Efeitos
[Produtos > > Artesanal]
Afoxé de Coco


Afoxé de Coco
– feito do fruto do coqueiro com miçangas ou contas ao redor de seu corpo, trançado com corda de seda, semelhante aos instrumentos que fabricamos: Xequebum e Xequerê, que da mesma forma, produz o som através do atrito das contas, com o corpo do instrumento. O afoxé concebe o som ao girar as miçangas em um sentido, e a extremidade do instrumento (o cabo) no sentido oposto. Antes era tocado em Centros de Umbanda, e samba. Atualmente usados no Reggae e na música Pop.

Afoxé de Cabaça


Afoxé de Cabaça –
mais um instrumento artesanal feito do fruto do porongo ou cabaceira-amargoso, como já foi comentado anteriormente, suas diversificações nas mãos dos artesões. Com contas ao redor do corpo do instrumento, que é trançado com corda de seda, como os demais, e da mesma forma, produz o som através do atrito das contas. Tocado Atualmente usado também em Blocos de afoxé como “Filhos de Gandhy”.

Afoxé de Castanha

Afoxé de Castanha – feito artesanalmente de castanha do Pará, seguindo a mesma forma dos anteriores explicados; com miçangas ou contas ao redor de seu corpo, que podendo mudar os pontos de trança entre as contas de acordo com a criatividade do artesão, que da mesma forma, produz o som através do atrito da mesma, com o corpo do instrumento. Tocados da mesma forma já explicada.

Afoxé de Madeira


Afoxé de Madeira -
instrumento feito de madeira decorada e de forma artesanal, diferente dos demais, tendo a parte interna recheada de sementes, produzindo o som com o atrito interno nas paredes preparadas ao redor de seu corpo. Tocado quase da mesma forma, girando e agitando o instrumento pelo cabo. O som é semelhante o dos chocalhos.

Agogô de Aço


Agogô de Aço -
o tradicional tempo, muito utilizado na capoeira do Brasil e do mundo, de origem Afro-brasileira na grande maioria é feito de chapa de aço galvanizado e vergalhão, Tocado por um bastão de aço. Clique para saber tudo que sabemos...

Agogô de Ogã em Aço


Agogô de Ogã -
utilizado nos ritos africanos do candomblé e muito tocado nos afoxés baianos, como o do nosso membro coletivo Filho de Gandhy. É também feito em chapa de aço galvanizado e vergalhão, tendo seu formato triangulado, diferente do tradicional por ser cônico. Tocado também com um bastão de aço. Clique para saber tudo que sabemos...

Agogô de Castanha do Pará


Agogô de Castanha do Pará -
feito de modo artesanal com cabo de madeira parafusados em duas ou três castanhas do Pará. Tocado com um bastão de madeira (baqueta), sendo utilizado em diversas ocasiões, no mundo da percussão de efeito e também na capoeira. Clique para saber tudo que sabemos...

Agogô de Coco Lixado


Agogô de Coco Lixado -
também é feito de maneira artesanal, com cabo de madeira parafusado em dois cocos secos lixados. Tocado como o de castanha, com um bastão de madeira, que da mesma forma, é utilizado em diversas aplicações musicais e artísticas, no mundo da percussão de efeito. Clique para saber tudo que sabemos...

Agogô de Coco Queimado


Agogô de Coco Queimado
- feito do mesmo modo de maneira artesanal com cabo de madeira parafusados em dois cocos secos, que são queimados e envernizados, dando um acabamento exclusivo ao trabalho. Tocado como os outros modelos, com um bastão de madeira. Clique para saber tudo que sabemos...

Apitos - Diversos Modelos


Apitos -
feito artesanalmente esculpido em madeira com um pedaço plástico no interior que através do ar faz soar o som do pequeno instrumento, que confeccionado em diversos modelos e tamanhos, de origem indígena, produz um som que nos remete as florestas e o canto dos pássaros. Tocado com sopros coordenados.

Cabulete Branco


Cabulete em Branco
– feito de maneira artesanal, com um pequeno cilindro de 4 a 5 centímetros de madeira ou casca de coco seco cortado no formato arredondado do instrumento, que tem duas pequenas membranas percussivas em couro de cabra, com diâmetro de 10 a 12 centímetros, preso, esticado e costurado nas suas laterais; sobre um detalhe de acabamento em couro branco, com dois cordões, um de cada lado, pendurando uma semente em cada ponta, que fazem soar no toque lateral. Preso em sua base com um cabo de madeira e tem sua origem oriental.

Cabulete Preto


Cabulete em Preto
- feito do mesmo modo, com um pequeno cilindro de madeira ou casca de coco, com duas pequenas membranas em couro de cabra, que é preso, esticado e costurado nas suas laterais sobre um detalhe de acabamento em couro preto, com dois cordões, um de cada lado, e também pendurando uma semente em cada ponta, que fazem soar do mesmo modo. Preso em sua base com um cabo de madeira.

Cabulete Duplo


Cabulete Duplo
- feito como os outros, com a diferença de ter dois pequenos cilindros de madeira ou casca de coco, com quadro membranas em couro de cabra, que são presas entre si, sendo esticadas e costuradas nas suas laterais, sobre um detalhe de acabamento em couro preto ou branco como os demais, e com quatro cordões, um de cada lado, e também pendurando uma semente em cada ponta, que fazem soar um som duplo, tocado do mesmo modo. Preso também por um base dupla em cabo de madeira.

Caxixi Pequeno


Caxixi Pequeno
- feito de palha, normalmente marca o tempo com o seu som peculiar. Alguns são feitos com pequenos pedaços de acrílico ou simplesmente arroz ou sementes de beribá. Para tocá-lo fazendo soar, basta balançar. Fabricados em vários tamanhos que poderá ver abaixo, os caxixis e também denominado caxixé, e muito utilizado para tocar os berimbaus, usando uns dos menores, que do mesmo modo também é formado por pequeno cesto de palha de mais ou menos 10 centímetros de comprimento por 5 centímetros de diâmetro.

Caxixi Grande


Caxixi Grande
- feito também de palha com a diferença no seu tamanho entre 30 a 40 centímetros. Como o outro, marca o tempo com o seu som chocalhado, com sementes de beribá ou arroz. Para tocá-lo fazendo soar bem, basta balançar forte.

Caxixi Duplo Pequeno


Caxixi Duplo Pequeno
- feito todo de palha, com a diferença no seu bojo duplo entre 10 a 20 centímetros cada. No resto igual aos demais, com sementes. Para tocá-lo basta balançar.

Caxixi Duplo Grande


Caxixi Duplo Grande
- feito também de palha como os demais, além da diferença do seu bojo duplo, tem o maior tamanho, entre 30 a 40 centímetros. No resto igual aos demais. Para tocá-lo basta balançar.

Claves


Claves –
feito totalmente de madeira, artesanalmente muito simples, são duas barras de formato cilíndrico, que para tocar basta golpeá-las uma contra a outra. Muito usada nos ritmos latinos.

Efeitos de Sementes


Efeitos de Sementes
- feito de um aglomerado de sementes, amarradas entre si por cordas de seda, lembrando um cacho. De origem Afro-brasileira, é tocado com as mãos balançando o instrumento, tirando o som pelo atrito das sementes. Usados pelos músicos que gostam de inovar em suas criações musicais.

Ganzá


Ganzá
- feito também de palha ou industrialmente feito de alumínio, tem sua forma cilíndrica, muito utilizado no samba brasileiro. São igualmente preenchidos com grãos de arroz ou sementes de beribá como os caxixis. Para tocá-lo basta balançar.

Maraca Cubana


Maraca Cubana
– feito do fruto do porongo seco, com cabo de madeira embutido, sendo de origem cubana, que em alguns modelos, são revestidas de couro costurado, dando ao mesmo um charme diferenciado. As cabaças permanecem com suas sementes naturais, de modo que quando as maracas são agitadas, as sementes chocalham em seu interior, produzindo o som de efeito do famoso instrumento, que marca os ritmos latinos na clave da salsa.

Pau de Chuva Colorido


Pau de Chuva Colorido -
feito de maneira artesanal como os demais; confeccionado do tronco da imbaúba, que também é conhecida como: ambaúba, embaíba, embaúba, imbaíba, árvore-da-preguiça, torém ou pau de formiga. Em tamanhos diferenciados, podendo passar de um metro, com o seu interior cheio de sementes, com pequenos pedaços de madeira, que são enfiados em todo o seu entorno, que faz a retenção temporária das sementes em queda no seu interior, assim produzindo o som semelhante ao da chuva caindo do céu ao solo, dando o nome ao instrumento. É tocado na troca de posição, ou seja: virando da posição vertical, passando pela horizontal, volta para vertical, esperando a queda das sementes em seu interior, assim vão repetindo, todas às vezes que queira fazer soar. Em decorações diversas.

Pau de Chuva


Pau de Chuva Natural
- feito do mesmo modo explicado acima, do tronco da imbaúba, em tamanhos e decorações diversas, sendo este feito de maneira natural, com detalhes em ferro quente.

Pote


Pote Africano -
O nome já diz tua origem, o pote africano é feito de argila, o popular barro vermelho que é esculpido o seu formato e cozido em forno de lenha para dar resistência; é fabricado em diversos tamanhos.

Queixada


Queixada -
feito de aço e pedaços de madeira, que são cortadas de forma triangular; são encaixadas e pregadas, fazendo uma caixa de ressonância para saída do som, que é produzido por placas presas na lateral, e intercaladas e soltas no seu centro da parte interna da caixa, que com cabo composto de uma haste dobrada, faz a parte de mola vibratória, ao bater na palma da mão, faz vibrar o instrumento, fazendo soar o som de semelhante ao bater de queixos. Assim é tocada.


   Copyright© - 2006 - 2010 / Resolução mínima de 800x600 / 3º - Membro Coletivo GBIC® - Correio:

dinhoartes@dinhoartes.com.br